World Travel Guides


Israel e os Territórios Palestinianos



				Divindade  Cidade Velha, Jerusalém.

"Religião", "política", "paixão", "história", "injustiça social" e o convívio quotidiano com o exército não serão os motivos mais ideais para se gozar umas férias longe da rotina do dia-a- dia. Mas, de facto, são estes os factores que fazem todos os anos com que milhares de visitantes (e de imigrantes) se desloquem a Israel. Esta é a terra que encerra o mistério do nascimento de Cristo, uma terra que exacerba as crenças dos cristãos, judeus e muçulmanos do mundo inteiro, levando parte deles a extremos de ódio e de violência. O que atrai as pessoas a este país e as deixa simultaneamente desapontadas é a ilusória expectativa de contacto com as "relíquias etéreas" de Israel terra santa para três religiões, onde tudo evoca a sagrada presença do Messias. Todos aqueles que visitarem Israel com o objectivo de aí viverem profundos momentos de espiritualidade, suscitados pela imersão na purificante ambiência da Terra Santa, vão ficar decepcionados! Na verdade, este é um país agitado, malcheiroso, barulhento e moderno, capaz de tirar proveito económico das peregrinações aos locais sagrados, tal como faria qualquer cidade norte-americana de grupos religiosos conservadores.

Se visitar Israel sem falsas expectativas, regressará muito provavelmente com agradáveis recordações. A história e os fortes vínculos religiosos do país contribuem, sem dúvida, de uma forma vital, para o seu encanto. Não obstante, Israel é mais do que a "terra prometida" ou do que uma zona em permanente tensão. Reserve algum tempo para visitar a nova e cosmopolita cidade de Telavive, mergulhe no mar Vermelho em Eilat, explore alguns dos verdejantes parques nacionais e entregue-se ao prazer de flutuar durante horas nas cálidas águas do mar Morto. Se quiser conhecer verdadeiramente Israel, terá de olhar além das portentosas figuras do passado e cavaquear com o condutor do autocarro em que viaja ou com o dono da pensão onde está hospedado.

Seja qual for a denominação escolhida para designar esta região do mundo, estará sempre a ofender a susceptibilidade de alguém. Desta forma, no âmbito desta apresentação, optámos inicialmente por utilizar a designação "Israel e os Territórios Palestinianos". No entanto, por considerarmos esta formulação um pouco extensa, para nos referirmos à área que abrange o Estado de Israel, bem como às zonas em conflito da Cisjordânia, montes Golã e Faixa de Gaza, utilizamos por vezes apenas "Israel".



Introduction
Facts for the traveller
Money & Costs
Attractions
Off the beaten track
Activities
History
Culture
Environment
Getting Around

Hosting by: Linux Hosting
Travel Guides | Guides Site Map | Indian restaurant | Daily deals
© WorldGuides 2017. All Rights Reserved!